Header Ad Widget

DICE pede desculpas pela experiência frustrante com o Capítulo 4 de Battlefield V


O gerente geral da DICE , Oskar Gabrielson, pediu desculpas aos jogadores de Battlefield V pelos vários problemas que surgiram durante o Capítulo 4: Virando o Jogo e, reconheceu que os problemas comprometeram muito a qualidade geral da experiência do game.

Gabrielson também falou que estavam cancelando os planos de lançar um modo 5v5 focado no competitivo, com o intuito de se concentrar em correções de bugs e adicionar mais conteúdo ao jogo.

Abordando ainda mais as questões no Twitter, o GM da DICE, disse:
“Comunidade BF - eu sei que vocês estão frustrados e decepcionados com a experiência do capítulo 4 de Battlefield V. Realmente nos desculpem. Estamos dando passos para melhorar a qualidade do BFV e, como resultado, fazendo as alterações necessárias. Estamos aprimorando o conteúdo do capítulo 4 e estamos deixando de lado o modo 5v5, para focar a equipe em nossa principal experiência no Battlefield. Não foi uma decisão fácil, mas foi a decisão correta para obter qualidade no jogo. Espero que o trabalho que desenvolvemos em Battlefront II seja uma prova do nosso compromisso de longo prazo com nossos jogos e nossas comunidades. Vamos colocar o Battlefield V de volta aos trilhos e torná-lo o jogo incrível que todos vocês merecem.”

 A DICE lançou a atualização 4.4 do Battlefield V para PC e consoles nesta terça-feira e esperamos que a empresa de fato ouça a sua comunidade e consiga por o jogo, que vem recebendo inúmeras críticas, no eixo novamente.

Prova desse objetivo de melhorar o jogo e dedicação que estão empenhados a manter, é a adição de Battlefield V ao Trello, uma plataforma de gerenciamento de projetos, aonde a comunidade poderá ver com transparência os problemas e soluções que a equipe vem buscando resolver.

 A atualização do Capítulo 5: Acordando o Gigante, em Battlefield V apresentará três novos mapas, incluindo uma versão moderna de Iwo Jima, e pelo menos sete novas armas e equipamentos antes do final do ano.

Comentários

Notícia Anterior Próxima Notícia