Header Ad Widget

Estratégias de vendas da Sony podem 'matar' o Playstation 5 em seu lançamento



O analista da Wedbush Securities, Michael Pachter, recentemente declarou que o próximo console da Sony (provavelmente intitulado Playstation 5) chegará aos mercados com um preço absurdo de US$ 800, o que iria de contra-mão com o próprio argumento da Sony que disse que o console teria um preço atraente.

Esse preço louco poderia matar o próximo PlayStation da Sony. Mas a empresa deixou escapar um indício de que poderia estar seguindo esse caminho.

De acordo com informações obtidas pelo Wall Street Journal , o CEO da Sony, Kenichiro Yoshida, revelou que a empresa se posicionará em relação ao PlayStation como um produto de nicho, destinado a jogadores mais "hardcore", e não tanto no público casual.

Várias informações sobre o poder de fogo console já foram dadas, como por exemplo a informação de que a tecnologia ray-tracing estaria presente no console e de que eles pretendem aumentar drasticamente a velocidade de renderização de gráficos e eliminarem de uma vez telas de loading.

A Sony deixou claro que se concentrará em títulos com grandes orçamentos para impulsionar a lucratividade no segmento de jogos, em vez de procurar aumentar os números.



A estratégia que a Sony pode vir a adotar, é justamente pelo fato de ser focado num público mais hardcore, serem vendidas menos unidades do PS5 e fazê-lo depender de títulos AAA para aumentar a rentabilidade, mas é algo que pode sair pela culatra e matar o console logo em seu nascimento.

Restringir o PS5 a um público de nicho pode ser um grande problema. O provedor de pesquisa de videogames Newzoo classificou os jogadores em oito categorias. Uma visão geral dessas categorias indica que a maioria dos jogadores não se enquadra na categoria hardcore que a Sony está mirando.

Vale lembrar que a Microsoft e a Nintendo vem trabalhando em sistemas de streaming de jogos e, ainda coma  chegada do Stadia, focar um console num público mais harcore com hardware, e focar em jogos AAA, podem matar o Playstation 5 e render vendas muito abaixo do esperado.

Resta saber qual será a estratégia de vendas da Sony e aguardar seu lançamento que ainda não possui data confirmada, mas virá em 2020.

Comentários

Notícia Anterior Próxima Notícia