Header Ad Widget

Wake Island Agora e Depois: Reimaginando um clássico.


Com o lendário mapa a caminho do Battlefield 5 em dezembro, chegou a hora de dar um passeio pela memória da criação de Wake Island em uma entrevista com o produtor Lars Gustavsson para falar sobre o desenvolvimento do Wake original, a alegria dos primeiros testes e como as coisas mudaram desde 2002.

Se alguém lhe dissesse em 2002 que você estaria imaginando Wake Island para uma comunidade ansiosa 17 anos depois, acho que você questionaria a sanidade deles?

Com certeza. No entanto, naquela época, também estávamos confiantes de que esse mapa - e o Battlefield 1942 como um todo - poderia dar muito certo. Depois de criar o Codename Eagle ao trabalhar para a Refraction Games - que a DICE mais tarde adquiriu -, sabíamos que uma configuração ar-terra-mar com 64 jogadores poderia funcionar. Trazer a Segunda Guerra Mundial para isso, com todo o equipamento dos nossos filmes favoritos da época, pode ser incrível.

Neste esboço a lápis de Wake Island, as notas destacam pontos e unidades importantes, como quartéis, armas AA e um submarino submerso.

Numa época em que ninguém tinha ouvido falar de Battlefield, qual era o plano de convencer editores e jogadores?

Ao lançar o conceito de batalhas aéreas, terrestres e marítimas para 64 jogadores, os editores estavam dizendo: "Você não pode fazer isso". Durante um ano, nem sequer tínhamos um editor. Finalmente, a EA Redwood Shores viu o nosso trabalho. Eles nos disseram que se pudéssemos levar o conceito de Codename Eagle para um cenário da Segunda Guerra Mundial com 64 jogadores, teríamos um acordo. Então nós apenas tivemos que provar isso!

Demorou um pouco até conseguirmos uma versão inicial do Battlefield 1942 nas mãos dos jogadores. Na E3 2002, montamos um pequeno estande. No começo, ninguém apareceu. Mas, à medida que os rumores se espalharam, as linhas ficaram mais longas.


Um esboço do conceito inicial de um dos bunkers de concreto camuflado da ilha

E então a demo com Wake Island foi lançada?

Exatamente, isso foi em agosto de 2002. Lembro-me de sair para jantar com a equipe - e o [CEO do estúdio] Patrick Söderlund ficou para trás para assistir às figuras demo antes de se juntar a nós nas comemorações. A demo estava a caminho de se tornar um dos jogos mais populares. Com toda a incerteza anterior, esse foi realmente um "momento energético" triunfante para nós. Isso poderia ser feito.

Wake Island foi a chave para esse avanço. Não apenas era o mapa da demo, como também se destacava no trailer de Battlefield 1942. Tentamos criar algo mais cinematográfico, não apenas o caos multijogador e os tiroteios, que contavam uma história subjacente com defensores e atacantes em uma batalha em constante mudança. Isso deu início a uma orgulhosa tradição de criar grandes trailers de Battlefield.


Você sabia naquela época qual era o segredo por trás do apelo de Wake Island?

Visualmente, tinha uma aparência única para um jogo de guerra - era um paraíso tropical em vez de algo cinza e sombrio. A história da vida real por trás de Wake Island também foi um fator; se tivéssemos acabado de criar o terreno e demos um nome a ele, não teria sido tão intrigante. Os jogadores tiveram uma ideia do que aconteceu na ilha e das batalhas únicas que o terreno serviu. Por último, mas não menos importante, a forma do mapa era vital.

Falando nisso, vamos resolver isso de uma vez por todas: a Ilha Wake tem a forma de ferradura ou banana?

Isso foi debatido intensamente no estúdio ao longo dos anos, então depende de quem você pergunta. Fico firme no campo de ferradura. Marita é a banana.

Esboço inicial do conceito das principais áreas de Wake Island

Em termos de jogabilidade, qual o significado dessa forma?

É um campo de batalha estreito, que incentiva batalhas. Percebemos desde cedo que esse design permitia uma boa visão geral e um tipo de jogo diferente, em comparação com outros mapas. A geografia oferece várias opções; você pode tentar flanquear o time inimigo usando unidades navais ou, atacando em terra, avançar de frente para a luta. Eu também acho que as distâncias do mapa contrastando com sua acessibilidade são interessantes.

As equipes dos EUA e do Japão tiveram diferentes condições de batalha, sendo uma invasora e outra defensora. Com uma base tão assimétrica, como você manteve a Wake Island equilibrada?

Ajustamos a proporção de tíquetes entre atacantes e defensores, e os tipos de veículos das equipes também eram um fator - os transportadores e os destróieres podiam estar em qualquer lugar, que uma equipe bem treinada pudesse explorar. Não tínhamos recursos como esquadrões ou criação de esquadrões, então morrer significa começar de novo a partir de um ponto de controle ou a bordo de um navio, o que também poderia ser usado como uma ferramenta de equilíbrio.

Você poderia descrever os desafios tecnológicos da época?

Ao apoiar 64 jogadores simultâneos e vários veículos, já estávamos levando o motor ao limite. Isso significava que o nível de detalhe gráfico era limitado. Mas as limitações nem sempre são ruins. Para Wake Island, menos detalhes gráficos ajudaram a retratar a aparência desolada do paraíso que estávamos procurando. Outros ambientes eram mais difíceis de recriar a esse respeito, como ambientes urbanos bombardeados como Stalingrado.

Ter uma equipe pequena também era desafiador. Veja o departamento de som, por exemplo. Para a nova Wake Island, enviamos uma equipe inteira em todo o mundo para capturar áudio como aviões Zero rodando em motores originais. Para o design de som do Battlefield 1942, tínhamos um designer de som (suportado por dois codificadores), criando áudio para todos os 16 mapas, armas, veículos e muito mais. Lembro-me dele passando uma Páscoa cheia de café, criando os sons das ondas da maré batendo na praia, com base no movimento dos jogadores. Na segunda-feira, alguém substituiu acidentalmente todos os seus arquivos. Tempos interessantes


Quais são as principais diferenças entre a Wake Island original e a reimaginação no Battlefield V?

Para cada iteração, aprimoramos alguns aspectos, mas também trabalhamos para manter o sabor original que tornava a Wake Island especial. Existem algumas melhorias óbvias, como visuais mais nítidos. Além disso, o mapa é maior. Aumentamos o tamanho do terreno para criar um ritmo melhor, mas também há mais lugares para a infantaria se esconder, como folhagem e formações rochosas.

Fortificações são outro novo aspecto interessante. Como Wake Island é um mapa linear, você pode usá-los com inteligência para impedir os oponentes. O campo de batalha de 1942 era um mundo bastante estático; suas batalhas nunca deixaram marcas. Com o Battlefield 1943, a destruição se tornou parte da experiência de uma maneira completamente diferente. E hoje, no Battlefield V, o jogo em si é uma jornada através dos anos em que você pode ver a evolução: destruição, fortificações e novos modos de jogo.

Como você jogará a nova Wake Island no dia do lançamento?

Esperto! Eu vou de Conquista de Assalto ou Ruptura, pois os dois modos adicionam algo interessante ao mapa. Joguei muito durante o desenvolvimento, mas estou ansioso para sentar no sofá e colocar bandeiras em casa. Eu gosto de jogar em pelotões públicos e tendo o papel de líder de pelotão.

Brincar com grupos aleatórios com pessoas que realmente cooperam pode ser muito especial. Vocês são jogados juntos por acaso, não se conhecem, mas trabalham em prol de um objetivo comum. Diz algo sobre nós como seres humanos, de certa forma.

E Wake Island 2019 será a digna reimaginação que todos esperamos?

Eu acredito que sim! Nossas rodadas de teste iniciais foram muito divertidas. No outro dia, estávamos realizando um teste do Battlefield V para os nossos GameChangers (o BFBR estava lá), e houve essa conclusão louca de uma partida de Ruptura na nova Wake Island. A equipe atacante milagrosamente limpou o setor final e venceu no último minuto. Isso incluiu muitos gritos - e eu tive um déjà vu lembrando de nossos próprios ruídos excitados ao testar internamente a Wake Island há 17 anos.

Pensei na época: "Se pudermos nos divertir tanto testando o jogo, quão boa será a versão final?"

Grato pela tradução, Cyro

Atualmente, o mapa Wake Island está programado para ser lançado em meados de dezembro em Ruptura, Conquest, Conquest Assault, Squad Conquest e TDM.

Siga o BattlefieldBR no Twitter e Instagram, curta a gente no Facebook e inscreva-se no nosso canal no YouTube.


Comentários

Notícia Anterior Próxima Notícia