Header Ad Widget

Clássica arma M1 Garand é encontrada nos arquivos do Battlefield V

Clássica arma M1 Garand é encontrada nos arquivos do Battlefield V

Se você é fã de jogos de tiro da Primeira Guerra Mundial ou da 2ª Guerra Mundial, é provável que você já tenha jogado com o M1 Garand em algum momento. Se você está ansioso para usá-lo no Battlefield V ou se perguntando do por que ele não está no jogo, não se preocupe mais!

Graças ao usuário do Reddit temporyal, que encontrou arquivos do fuzil M1 Garand no Battlefield V, agora podemos esperar por essa clássica arma no jogo. Infelizmente, além de sua menção, o usuário não encontrou mais nada nos arquivos referentes ao M1 Garand.

Leia Também: Battlefield V: Desbloqueie a nova Carabina Bolt-Action M91/28

Segundo descrito na Wikipedia, o M1 Garand foi endossado em 1932 pelo general Douglas MacArthur para se tornar o fuzil padrão do exército americano, e seu uso tornou-se oficial a partir de 1936. Quando os Estados unidos entraram em guerra em 1941, sua infantaria estava quase toda armada com este fuzil. Apenas algumas poucas unidades ainda utilizavam o Springfield M1903 e o Johnson M1941.

Com mais de cinco milhões de unidades fabricadas, o Garand foi utilizado em toda a Segunda Guerra Mundial e amplamente utilizado na Guerra da Coreia e nos primeiros conflitos na Guerra do Vietnã. Hoje, faz enorme sucesso entre os civis americanos e colecionadores do mundo inteiro. Serviu de base para a criação do AR-14 e hoje sabe-se que o famoso projetista russo Mikhail Kalashnikov usou um Garand junto com uma StG44 como base para o projeto da sua arma, a venerável e muito conhecida AK-47.


O Garand também contava com um lançador de granadas muito eficiente e fácil de usar. Era possível também o encaixe de uma baioneta ou também uma mira telescópica que ampliava 2,2 vezes.

É possível que essa arma seja incluída como uma recompensa de desafios futuros, já que frequentemente novas armas são adicionadas no jogo através dos desafios, ou até mesmo com a introdução do exército americano.

Comentários

Notícia Anterior Próxima Notícia