EA é processada por fabricante de helicóptero militar

A EA está enfrentando uma ação judicial de um fabricante de helicópteros militares sobre a inclusão dos veículos em Battlefield 3. Para evitar o processo, a EA pediu a um juiz federal a regra que descreve que a aeronave cai no âmbito dos direitos da empresa descritos na Primeira Emenda.


A EA afirma que os helicópteros são "protegidos pela Primeira Emenda e à doutrina de uso legítimo nominativo." Ela também observa que a embalagem inclui um aviso de que o uso de armas e veículos não é um endosso oficial dos fabricantes.

Agora só resta esperar o desfecho desse caso, que mais uma vez está prejudicando a EA.

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.