Impressões do Battlefield 3 na GamesCom

Um escritor do BF3Blog teve a chance de visitar o estande do Battlefield 3 na GamesCom em Colonia, na Alemanha. Ele jogou o Battlefield 3 e, duas ocasiões, e disse sua impressões do jogo:
  •  O mapa Caspian Border era detalhado, exuberante e ótimo para se jogar.

  • As bandeiras eram próximas, mais ou menos a distancia das bandeiras do mapa Harvest Day do Bad Company 2. O resto do mapa era muito grande.

  •  A proximidade das bandeiras, em adição com vários jogadores e veículos, resultou em uma ação tensa entre as bandeiras, como um caldeirão de veículos, soldados, explosões e tiros.

  •  Fora das zonas das bandeiras, não havia muita ação. Mas há bastante espaço para flanquear, tanto a pé, quanto com veículos.

  • O jogo deu crash uma vez. No do meu amigo que também estava jogando, aconteceram com mais frequencia.

  • Os jatos absolutamente não estão devagares, mais ou menos a mesma velocidade do BF2. Eles não são dificeis de controlarem também -- Se voce jogou BF2 e operou o jato com o mouse e teclado, no BF3 é tão fácil quanto.

  • Os controler e os movimentos pareciam bastante com o Battlefield 2, definitivamente não parecia um "Bad Company 3" de qualquer jeito.

  •  Os graficos estavam ótimos, tudo muito detalhado e nítido. As áreas de floresta com bastante árvores e sombras estavam tão boas quanto no Crysis. Os efeitos da água são os melhores que eu já vi.

  • A destruição está de volta e estava ótima, mas não se pode destruir tudo (obviamente).

  • O sistema do PC era alimentado por duas placas Nvidia GTX 580 em SLI.

  • Os veículos pareciam mais sensíveis do que no Bad Company 2

  • Os tanques agora são operados diferente, agora a MG não é uma arma segundária, voce deve usar os botões "1" e "2" para trocar entre a arma principal e a MG.

  • Agora voce poderá nascer nos veículos, por exemplo: Agora voce pode nascer no jato na pista.

  • As armas estão mais realiticas que no Bad Company 2. Elas são menos "violentas", com menos flash. Elas parecem, soam e são manuseadas mais realisticamente (As armas do BC2 parecem desenhos quando comparadas).

  • Haviam várias armas disponíveis desde o começo e havia várias opções de customização, mesmo se o jogador fosse um soldado raso level 1. Eles podem ter adicionados mais armas para o preview da GamesCom.

  • O jogo parecia uma sequencia apropriada para o Battlefield 2. Eu joguei o Bad Company 2 na noite anterior, e o BF3 é totalmente diferente. Há uma atmosfera e sentimento de guerra e combate que havia no BF2 e que o BC2 não conseguiu repetir.

  • Me senti cheio de nostalgia do BF2 quando, logo que eu nascia, eu via e ouvia os jatos brigando no céu, tanques sendo explodidos a distancia, ver colegas de time corrento por mim indo em direcão à uma bandeira... Apenas estes 5 segundos me fizeram sentir o mesmo que eu senti ao jogar o demo do BF2 pela primeira vez em 2005.

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.